Modern Logistics aplica Inteligência Artificial para análise preditiva de mudanças climáticas nas rotas da companhia

0
89

Modern Logistics aplica Inteligência Artificial para análise preditiva de mudanças climáticas nas rotas da companhia

 

Empresa utiliza tecnologia para prever possíveis problemas que possam ser causados pelas mudanças climáticas em suas rotas comerciais

A Modern Logistics, uma das principais empresas de logística integrada do Brasil, reconhecida por ter uma frota aérea própria de aeronaves cargueiras, está utilizando a Inteligência Artificial para análise preditiva do clima e de eventos meteorológicos que possam impactar suas rotas aéreas, visando aprimorar suas operações de entrega de encomendas e produtos.
 

A utilização de IA permite à Modern Logistics antecipar e mitigar os possíveis impactos de condições climáticas adversas, garantindo uma experiência de serviço contínua e confiável para seus clientes. Além disso, a empresa empregará a IA para otimizar sua malha logística, melhorando a eficiência e a pontualidade das entregas em todo o País.
 

“A Modern Logistics sempre está em busca de soluções tecnológicas para o setor de logística. O uso de IA em nossas operações, especialmente no que diz respeito à análise preditiva do clima e otimização de rotas, fortalece nossa capacidade de oferecer soluções logísticas de ponta e de alta qualidade aos nossos clientes”, afirma Cristiano Koga, CEO da Modern Logistics.
 

Koga conta que, ao antecipar e responder proativamente às mudanças nas condições meteorológicas, a empresa está garantindo entregas mais rápidas e confiáveis, independentemente dos desafios que possam surgir. “Além disso, a otimização de nossa malha logística por meio da IA nos permitirá operar de maneira mais eficiente, reduzindo custos e minimizando os impactos ambientais”, afirma ele.
 

No modal aéreo, a Modern Logistics está incorporando dois novos 737-800 BCF, aeronaves da “Nova Geração”, que se somam a outros dois 737 Classics, tendo como objetivo promover a renovação da frota e aumentar a eficiência operacional.
 

O primeiro 737-800 BCF foi adquirido no final do ano passado, e já está em operação. E o segundo Boeing Converted Freighter (BCF) 737-800 chegou ao Brasil em março. Como a substituição da frota existente ocorrerá gradualmente, a empresa irá operar tanto os 737 clássicos como os NG no curto prazo.
 

As duas aeronaves são um marco importante para a Modern Logistics, que se torna a primeira no setor de logística nacional a contar com os 737-800 convertidos para cargueiros. Desta forma, a companha eleva significativamente as suas capacidades de carga e de alcance de voo.
 

A empresa também está lançando seu serviço de modal rodoviário, com 18 rotas ligando todo o País, de Norte a Sul, com uma frota de 6 mil veículos, desde pequenos, como vans, até carretas com capacidade de 20 toneladas.