MICHELIN Connected Fleet, Freto e Clube da Estrada unem forças para melhorar a vida dos caminhoneiros 

0
478
MICHELIN Connected Fleet, Freto e Clube da Estrada unem forças para melhorar a vida dos caminhoneiros 
Conectividade dos caminhões e app que conecta aos embarcadores podem aumentar as possibilidades de frete

São Paulo, agosto de 2023. Com o objetivo de promover mais acolhimento, segurança, eficiência e recorrência de fretes a caminhoneiros e transportadoras, a MICHELIN Connected Fleet Powered by Sascar e a logtech Freto firmaram parceria com potencial de atingir quase meio milhão de motoristas. Os veículos pesados cadastrados na empresa do Grupo Michelin serão incentivados a usar a plataforma da startup, que conecta os melhores motoristas às melhores cargas do mercado rodoviário em uma jornada totalmente digital. Em contrapartida, os mais de 180 mil profissionais qualificados dentro da plataforma do Freto poderão contratar os serviços de gestão de frota da parceira com isenção na instalação.

A MICHELIN Connected Fleet, trabalhando em sinergia com o Freto, entende que a parceria pode aumentar a fidelização dos clientes. “Essa parceria busca trazer melhor qualidade de vida e mais competitividade para os caminhoneiros, com soluções focadas em trazer mais segurança para seu dia a dia, e está totalmente alinhada com nosso propósito de marca que tem como um dos pilares o cuidado com as pessoas. Entendemos que a conexão com embarcadores que o Freto propõe, aliada ao uso da nossa tecnologia para trabalhar com mais produtividade e segurança contribuem para a geração de renda dos caminhoneiros”, explica João Guilherme Freitas Franco, diretor de marketing e televendas da MICHELIN Connected Fleet.

Na ponta da origem do frete, por ser a empresa mais homologada do mercado, a MICHELIN Connected Fleet tem uma atuação forte junto a embarcadores, que muitas vezes têm dificuldade em estruturar uma operação de transporte com qualidade e confiabilidade, pontos nos quais o Freto auxilia de forma eficiente.

Além de recorrer à expertise tecnológica da startup de logística, a MICHELIN Connected Fleet promoverá pontos de apoio e acolhimento aos estradeiros nas unidades físicas do Clube da Estrada, maior plataforma do país de relacionamento e cuidado com caminhoneiros, que tem o Freto como gestor e mantenedor principal. “Essa proposta de valor faz sentido dentro da cadeia. As estruturas físicas do Clube da Estrada associadas à inteligência tecnológica das nossas soluções visam proporcionar mais segurança, maior controle de custos e prevenção de acidentes”, enfatiza João Guilherme.

Todos os motoristas que frequentam o Clube da Estrada também serão beneficiados com a instalação grátis da tecnologia de gestão de frota da Michelin. Em 2022 foram mais de 155 mil visitas ao Clube, que contemplaram gratuitamente áreas para descanso, alimentação e lazer, sendo registrados ainda mais de 27 mil atendimentos de saúde e 12 mil de barbearia.

Thomas Gautier, CEO do Freto, explica que a união dos benefícios trará ganhos reais aos motoristas cadastrados no Freto. “Tanto caminhoneiros autônomos quanto proprietários de frotas poderão tomar decisões com base em dados cruciais para a operação, como consumo de diesel, monitoramento de fadiga, jornada percorrida e rastreamento da carga.” A MICHELIN Connected Fleet aponta que logo no primeiro mês de uso a redução de infrações de trânsito pode chegar a 90%, além de promover a mudança no estilo de direção, como rodar desengatado e manter o caminhão parado ligado, que pode impactar em 25% dos custos.

“Entendemos que a logística é feita de pessoas para pessoas. E a tecnologia está aí para potencializar os impactos positivos dessa relação. Esperamos muito sucesso para os dois lados, pois estamos conectando duas bases de clientes acostumadas com a digitalização da profissão. Esse é mais um passo na integração de serviços essenciais, que a cada dia contribuem para impulsionar a revolução que estamos fazendo nas Estradas, dentro do que acreditamos ser um ambiente ainda mais seguro, acolhedor e humano”, aponta Gautier. 

João Guilherme, da MICHELIN Connected Fleet, frisa que o sucesso das operações logísticas atualmente depende da tecnologia. O executivo aponta que os desafios são enormes, uma vez que mais de 60% da economia do país passa pelas estradas e a infraestrutura para tal ainda não está à altura dessa importância. Falta de pavimentação e segurança, capacitação dos motoristas, jornada de trabalho excessiva e outras questões contribuem para uma vulnerabilidade nas rodovias. “Nosso propósito neste projeto é conectar todo o ecossistema com tecnologia, integrando os motoristas autônomos com as melhores cargas. Estamos propondo um olhar mais eficiente e seguro para o setor, que resulta em rentabilidade para os profissionais usufruírem com suas famílias ou mesmo crescerem seus negócios”, conclui João Guilherme.

Sobre a Michelin Connected Fleet

A MICHELIN Connected Fleet, antes Sascar, foi adquirida pelo Grupo Michelin com a finalidade de ampliar seus negócios em serviços e soluções e tornou-se um dos principais players de tecnologia de gestão de frotas no mundo. Atualmente já são 1,2 milhão veículos conectados mundialmente. No Brasil e América Latina, é líder em tecnologia para gestão de frotas, oferecendo soluções que conectam o transporte para o ir e vir de cargas e pessoas. Com modelo exclusivo de contrato de locação que não demanda investimento em compra de equipamento ou gastos com manutenção.

Oferece o portfólio de soluções mais completo do mercado, num conceito one stop shop. Uma vantagem competitiva é o monitoramento de toda a cadeia de valor, atuando desde a produção até a chegada ao consumidor final. A digitalização do transporte torna a mobilidade mais sustentável a partir do momento em que preserva mais vidas e também desenvolve a produtividade de forma responsável. Traz gestão e economia com atuação desde o transporte de mercadorias e pessoas até operações de mineração. (https://connectedfleet.michelin.com/pt-br/).

Sobre o Freto

Com o propósito de simplificar a logística rodoviária, movendo Caminhoneiros, o Freto é a plataforma onde os melhores Caminhoneiros e as melhores cargas se encontram. Com processos 100% digitais, a logtech está mudando a forma de usar a Estrada para fazer negócios, criando uma relação ganha-ganha entre transportadores, embarcadores e motoristas. O encontro entre os melhores Caminhoneiros e as melhores cargas pode acontecer em até um minuto, permitindo ganhos de agilidade e redução dos custos operacionais. Desde a fundação, em 2018, até maio de 2023, a empresa movimentou mais de 100 milhões de toneladas na plataforma, correspondendo a mais de R$ 12 bilhões em fretes. Essas cargas são publicadas por grandes produtores de grãos, açúcar, siderúrgicas, laticínios, mineradoras, cimenteiras, papel e celulose, nutrição animal para mais de 180 mil motoristas ativos e qualificados.

Site da empresa: www.freto.com

Sobre o Clube da Estrada

O Clube da Estrada, mantido pelo Freto, é a maior plataforma de relacionamento e cuidado com os Caminhoneiros no País. Desde a abertura da primeira unidade, há 10 anos, o Clube já recebeu mais de 1 milhão visitas de caminhoneiros em busca de cuidado e descanso, além de mais de 2 milhões de serviços prestados aos profissionais. São mais de 200 mil profissionais cadastrados sendo que, nas redes sociais, é acompanhado por mais de 700 mil seguidores. Com nota 9,8 de satisfação, atualmente, seu NPS (Net Promoter Score) é de 91.  

Site: https://www.clubedaestrada.com.br